fbpx

LUZ DURA x LUZ SUAVE

POR JOÃO RUBIO Uma iluminação bem feita é um dos pilares da arte da cinematografia. Dominar os aspectos físicos das fontes de luz que temos disponíveis para realizarmos nossos filmes é essencial para uma proposta estética sólida.   Para isso, criamos este material analisando características e diferenças das luzes duras e suaves. A Luz Dura Luzes […]

ESFÉRICAS x ANAMÓRFICAS

As lentes esféricas são compostas por elementos esféricos. Eles possuem curvatura simétrica tanto no eixo vertical como no horizontal, projetando a imagem como nossos olhos veem.  As lentes anamórficas, apesar de possuírem diversos elementos esféricos em sua constituição, tem como característica fundamental a presença de um elemento cilíndrico, de curvatura apenas no eixo vertical.  Isso […]

PANORAMA DO CINEMA NEGRO DOCUMENTAL NO BRASIL

A produção documental no Brasil começa com Haroldo Costa em 1958 com “Pista de Grama”, um híbrido entre ficção e doc. Protagonizado por Paulo Goulart e Yoná Magalhães é permeada por registros incríveis de Elizeth Cardoso e João Gilberto cantando bossas. O filme só é encontrado na Cinemateca Brasileira. Em 1973, Zózimo Bulbul lança o […]

FOTOGRAFANDO PELES NEGRAS – O BRILHO, POR VINI BOCK

Um dos fatores determinantes para a escolha da lente, do sensor, do negativo, da luz, da gelatina e de diversos outros fatores que compõem nosso quadro e nossa linguagem é o tom de pele, o skin tone: o espectro de todas as cores que formam a cor da pele humana. Pele essa que pode ter […]

A PELE NEGRA NA MAQUIAGEM POR EBONY

Quando falamos em maquiagem de pele negra para fotografia, dois itens são essenciais: a correção de subtom e o brilho. Quando aplicarmos a maquiagem, sempre presamos pelo tom ideal da pele. O tom seria a cor. Por exemplo, bege, bege clara, marrom média, etc. Na pele negra o subtom também é muito importante, pois é […]

PANORAMA DO CINEMA NEGRO DE FICÇÃO NO BRASIL

Texto de Renato Cândido O primeiro longa de ficção feito por um negro brasileiro foi “Todos por Um”, de Cajado Filho, em 1948 – 34 anos depois do primeiro filmado por um branco (“O Crime dos Banhados”, de Francisco Santos). Só em 1984, uma mulher negra, Adélia Sampaio, dirigiu um longa, “Amor Maldito”. Na segunda década […]

SONY FX9 – PUBLICIDADE TOPZERA E GUERRILHA

A Sony FX9 traz a qualidade de imagem das câmeras de cinema de alta gama e os mais modernos recursos tecnológicos para facilitar sua operação num job com pouca equipe. Seu corpo é leve e tem ergonomia pronta para guerrilhas. Tem um sensor FF 6K Exmor R (retroiluminado) para absorver mais luz se comparado a […]

O ISO DIGITAL – RECURSOS E DÚVIDAS

O conceito de ISO parece banal, mas entender as possibilidades que a digitalização da fotografia trouxe é essencial para saber usá-lo bem. Todos sabem que ISO é um número que representa a capacidade do sensor de reproduzir uma certa quantidade de luz que recebe. Quanto maior o número, menos luz ele precisa para gerar sua […]

ISO DUPLO

A questão do ISO na cinematografia digital é uma porta aberta para vários recursos. O mais recente é o Duplo ISO. Como mostramos no nosso post anterior, a luz chega no sensor e passa por uma amplificação analógica. Em seguida, é convertida pelo conversor analógico-digital (ADC) em um impulso digital. Este é o ISO nativo. […]

LENTES LEICA R

Tá aí uma excelente opção para quem busca uma imagem de alto nível e não tem orçamento para lentes de cinema de alta gama.⠀As Leica R são lentes fotográficas (Full Frame) históricas produzidas de 1964 até 2009. Diferentes linhas foram sendo lançadas ao longo deste período.⠀A nomenclatura varia de acordo a abertura máxima de diafragma. […]

MACROS ANGULARES

Laowa Probe X Arri Macro X Ultra Prime com Close Up Hoje o assunto é macro! Fizemos um vídeo comparando 3 opções de cinematografia macro com lentes de distância focal 24mm. Elas são a Laowa Probe, a Arri/Zeiss Macro e a Arri/Zeiss Ultra Prime com filtro Close Up Schneider. Apresentando: Alexandre FuchigamiDireção: João Rubio e […]

VALORES DE PLANOS – A AMPLITUDE DO QUADRO

Uma comunicação eficiente é fundamental em qualquer processo. Na criação e execução de um filme não poderia ser diferente. Os envolvidos precisam dialogar com clareza para realizar os objetivos com mais facilidade.⠀Os planos de câmera podem ser descritos por sua amplitude, ângulo de inclinação de câmera e altura.⠀Hoje, vamos sobre os Valores de Plano. Ou […]

COPYRIGHT © 2020 MONSTERCAM. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS – Desenvolvimento: Doppiod