fbpx

ESFÉRICAS x ANAMÓRFICAS

As lentes esféricas são compostas por elementos esféricos. Eles possuem curvatura simétrica tanto no eixo vertical como no horizontal, projetando a imagem como nossos olhos veem. 

As lentes anamórficas, apesar de possuírem diversos elementos esféricos em sua constituição, tem como característica fundamental a presença de um elemento cilíndrico, de curvatura apenas no eixo vertical. 

Isso faz com que a convergência dos raios seja diferente vertical e horizontalmente. Nesse último eixo, a amplitude do campo de visão é maior do que na vertical. Por conta desta diferença, a imagem se projeta como se tivesse sido espremida lateralmente, com os objetos aparentando mais estreitos e alongados.

Posteriormente, ela é “desanamorfizada” por meio digital por meio ótico  para que a imagem volte à proporção da realidade.

Amplitude Horizontal e Profundidade de Campo 

Enquanto verticalmente a lente anamórfica corresponde à mesma distância focal da esférica, horizontalmente é mais ampla. Para obtermos os mesmos limites de enquadramento lateral, temos que recorrer a distâncias focais diferentes nas esféricas e anamórficas. 

A diferença nas distâncias focais consequentemente proporciona diferentes profundidades de campo.

O Fator de Anamorfose

A categoria anamórfica traz um novo parâmetro, o fator de anamorfose. Corresponde a quantas vezes o campo de visão horizontal é aumentado em relação ao vertical, sendo os mais comuns 2x e 1.3x.

O fator 2x tem melhor aproveitamento em sensores 4:3. O fator 1.3x se adequa melhor aos sensores 16:9. Como já são mais panorâmicos, exigem menos compressão lateral.

Construção Ótica e Efeitos

O elemento cilíndrico pode estar localizado na parte frontal, traseira ou no meio da lente. A engenharia ótica da lente determina formatos de desfoque (bokeh) e características do flare.

O caminho da luz pela complexa construção ótica anamórfica pode produzir flares peculiares, não encontrados nas esféricas, como as linhas de luz de tom azulado que atravessam a imagem horizontalmente e o flare formato ovalado.

A quantidade de elementos dessas lentes e sua distribuição, também podem acarretar em menor definição do que costumamos ter com esféricas. Principalmente nas bordas da imagem.

São características que trazem peculiaridades à imagem anamórfica. Em alguns momentos podem virar defeitos em outros, arte. Manda a linguagem cinematográfica pensado para cada tipo de projeto. 

Se você quiser fazer um teste com nossas lentes anamórficas, venha à Monstercam e conheça as Cooke Special Flare, as Kowas Evolution e as Atlas Orion.

Para nós, é sempre uma alegria te receber aqui, experimentar e conversar sobre essas coisas divertidas.

Por: Juliana Lellis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COPYRIGHT © 2020 MONSTERCAM. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS – Desenvolvimento: Doppiod